22

Dois patinhos na lagoa Dois docinhos no potinho Dois “paralelos que se encontram no infinito”

Comentários

Contrato

Era uma vez um casal que se conheceu havia poucas semanas e estavam encantados um pelo outro. – Você é tão maravilhosa! – Você que é! – Quer me namorar? – Porque eu deveria? – Porque te amo, muito! – Eu também te amo, mas até quando? – Não sei. – Isso me dá medo… […]

Amar ou depender?

Encontrei várias versões desse conto em espanhol, não estou certo se é a versão oficial. Reproduzirei a tradução de uma delas, já que me pareceu uma ótima reflexão. Contam que uma bela princesa estava procurando alguém para casar. Aristocratas e senhores ricos tinham vindo de todas as partes para oferecer seus presentes maravilhosos. Jóias, terras, […]

Soneto da tarde

Linda sereia morena Que todas as tardes se banha Nas águas do mar, logo se assanha Quando me vê e acena De longe contemplo bem A bela sereia nua Que com toda lábia sua Me faz ao mar refém Não resisto, vou em frente Hesita e me fisga, resolve Tal qual peixe em anzol Me […]

Soneto do pé de acerola

Oh! Árvore ingrata Da qual cuidei com carinho Curei todos seus males E me feres com espinho Quando te espero resposta Seus frutos para meu vinho Só tenho folhas no chão Pé egoísta e mesquinho Cortar-te-ei todos teus galhos Secar, irei deixá-los Para fogo eu atear É isso mesmo, mulher, que farei Para não mais […]

Quem sabe um dia

Odeio essa sua mania de desaparecer assim da minha vida e ficar semanas e semanas sem dar notícias. Eu fico aqui sem saber onde está, se está bem, se algo de grave aconteceu ou se algo de muito bom se realizou. Não responde os meus e-mails e quebra o chip do celular só pra ninguém […]

Anjos, existem

Cada indivíduo é 7 bilhões de pessoas ao mesmo tempo. Para cada um no mundo, somos uma instância de nós mesmos: colega da escola, companheiro de time, amado, amigo, rival, chato, simpático, fofoqueiro, confiável, feio, bonito, desconhecido. Há exatos 17 anos, nascia quem seria para mim, hoje, um anjo. Quando a sorte pausou em me […]

Primeiro do ano

– Oi, obrigada por aceitar minha solicitação de amizade! – Oi, primeira solicitação de amizade do ano ^_^ – Que bom! Tudo bem? – Sim, e você? – Bem. – Engraçado, é a primeira vez no ano que querem saber se estou bem… – Ah, para mim também – risos. – Ah, primeira coincidência do […]

Nenhuma última carta

Algumas pessoas são orgulhosas. Eu sou só antissocial mesmo. Juntando isso à minha obsessividade de deixar tudo em pratos limpos, portas fechadas, ferro de passar desligado e por aí vai, escrever cartas é uma ótima solução. Vivo um dilema de uma opção só, onde o que angustia é a consciência da ilusão de haver outra. […]

Desafio – Fragmentos #1

Eu podia ver em suas pupilas atentas, ela queria morrer. Não agradeceu o favor. Certa vez ouvi alguém dizer “não importa o que faça, faça com prazer”. Este é meu trabalho agora. Gosto de matar pessoas porque me diverte ao mesmo tempo que lhes proporciono uma passagem digna. Transformei mais uma larva em borboleta e […]

Males entendidos

Mal a viu pôde reconhecê-la. Sim, era o seu amor de juventude, 30 anos depois. Foram ao encontro um do outro e ele se atreveu primeiro: – Lembra de mim? Ela riu o mesmo sorriso jovial: – Como poderia esquecer? – Tanto tempo, não é mesmo? – Pois é… O que fizeste neste tempo? – […]